Anna Wintour | Job-à-Porter
O ESCRITÓRIO – CHEIO DE PERSONALIDADE – DA JENNA LYONS
O ESCRITÓRIO – CHEIO DE PERSONALIDADE – DA JENNA LYONS
O ESCRITÓRIO DE EVA CHEN
O ESCRITÓRIO DE EVA CHEN
Nova fase =)
NOVA FASE =)
DICAS DE OURO AO SE VESTIR PARA ENTREVISTAS DE EMPREGO – DE MODA!
DICAS DE OURO AO SE VESTIR PARA ENTREVISTAS DE EMPREGO – DE MODA!

Anna Wintour

0 Com.

O Escritório de Eva Chen

a000798d3c71f73207cdf6f27f59cfd4

Caso você não conheça a Eva Chen, segue um resuminho básico da carreira dela: antes de entrar na faculdade de medicina (que era seu sonho), ela resolveu se aventurar em alguma coisa diferente só para ter certeza que era aquilo mesmo que ela queria para sua vida e conseguiu um estágio na Harper’s Bazaar – obviamente ela não seguiu a carreira em medicina. Passou por algumas redações e ficou um bom tempo como Editora de Beleza na Teen Vogue até que dona Anna Wintour viu o potencial da moça e a indicou para nada menos que o cargo de Diretora de Redação da Lucky Magazine – no alto de seus trinta e pouquinhos anos (emoji de carinha chocada)!!!!
e90381ef7da134516372a5ef85362cd0
Em novembro/2014 toda a Condé Nast saiu de seu icônico endereço na Times Square e foi de mala e cuia para o novo prédio 1 World Trade Center, incluindo a Lucky e Eva. Assim, o escritório dela já tem uma decoração nova, mas o antigo é tão legal que vale o post =)

a3843f08be7d302b6f4e872a14252b35

evaoffice

a000798d3c71f73207cdf6f27f59cfd4

9740d810b0982f0068cdb58ef7980d68

30bd49b0951181450b2b861be83d45a0fotos: Domino Magazine

Lindo, né?! Agora bora trabalhar pra um dia você ter o seu também ; )

Boa semana!

0 Com.

O escritório de Anna Wintour

Para todo mundo começar a semana inspirado e no pique, que tal uma olhadinha no local de trabalho da eterna Diaba da moda, Anna Wintour!?

anna wintour office

Todo clássico, o ambiente tem alguns toques de objetos étnicos e uma bela coleção de fotografias!

Para quem quiser conhecer mais, tanto o escritório quanto a editora chefe da Vogue America e, de quebra, alguns cantinhos da redação da revista, Anna participou de um vídeo que faz parte de uma série, da própria Vogue, em que a pessoa responde a 73 perguntas, rápidas e super variadas. Mesmo que inglês não seja o seu forte, poder conhecer o lugar já vale a pena!

0 Com.

As fashionistas mais poderosas do mundo

Você já ouviu falar da lista das 100 Mulheres Mais Poderosas do Mundo feita anualmente pela revista Forbes!? Imagino que sim, já que é bem famosa e referência no mundo todo! Recentemente, eles lançaram a edição de 2014, ano que marca o aniversário de 10 anos da tal lista. Os critérios utilizados para avaliação? Dinheiro + tamanho na mídia + campos de influência + impacto. Das 100, 6 são do mundo da moda e hoje vamos conhecer um pouquinho mais sobre cada uma, porque se elas estão nessa lista, nós com certeza devemos saber mais sobre elas!

Sara menor

Você pode não reconhecer o nome ou o rosto, mas, com certeza, conhece o produto criado por ela: Spanx! Siiiim, a lingerie modeladora usada por 10 entre 10 famosas, foi a responsável por colocar Sara entre as 100 mais poderosas do mundo. Considerada a mulher mais jovem a se tornar, por trabalho próprio,  bilionária (sim, com b!!!!!!), Sara, hoje com 43 (alguém me passa o número do dermatologista dela?!), criou o Spanx aos 27 anos, depois de ter investido suas economias de 5 mil dólares para criar uma lingerie que ela pudesse usar por baixo de uma calça branca. Desde então, ela transformou sua marca de apenas um produto em uma empresa com extensa linha de produtos, que hoje ganha 250 milhões de dólares anuais (!!!), e se prepara para lançar uma linha de jeans com a tecnologia Spanx. E você ainda duvida que uma boa lingerie pode te ajudar a vencer na vida!

89 Gisele

Ahhhh, Gisele… Além de linda, loira, alta, milionária, com família de comercial de margarina, a bonita ainda aparece nessa lista! Há 7 anos, é eleita a modelo mais bem paga do mundo e, aos 33 anos, apesar de diminuir a quantidade de projetos dos quais estrela, eles continuam sendo muito importantes e lucrativos: H&M, Chanel e Pantene. Além disso, ela tem sua marca de cosméticos eco-friendly Sejaa, ações na Grendene e sua linha de lingeries com a Hope, a Gisele Bundchen Intimates, que ganha loja própria esse ano. Pra fechar com chave de ouro, Gisele, que é super preocupada com o meio-ambiente, é embaixadora da Boa Vontade do Programa Ambiental da ONU, desde 2009, e agora faz parte do conselho do Rainforest Alliance. #nãotáfácilprasinimigas

79 Tory Burch

Não foi só a Cinderella que mudou sua vida por causa de um par de sapatos; Tory Burch também! Apesar das muitas linhas de produtos, as famosas sapatilhas Reva, de US$ 200,00, são o carro-chefe de seu império (gigantesco!). E ele continua a crescer,  ano passado com perfumes e loja na Rodeo Drive e, esse ano, com relógios! Recentemente, Tory lançou o Elizabeth Street Capital, uma joint venture entre a Tory Burch Foundation e o Bank of America, que ajuda mulheres empreendedoras com baixo capital a melhorarem seus negócios. O passado da moça não é nada ruim: entrou para a lista de Bilionários da Forbes em 2013 e suas ações só mostram mais e mais valorização.

75 Miuccia Prada

O que dizer de Miuccia? Sem se ocupar de 1 milhão de papéis, a italiana lidera a marca criada pelo seu avô em 1913, Prada, com louvor tanto no mundo da moda quanto no mundo dos negócios. Sua pequena fortuna? Só US$10.4 bilhões (emoji de carinha de queixo caído)! Miuccia é tão visionária que, antes da Lupita Nyong’o ganhar o Oscar esse ano, ela fechou contrato com a queniana para a Miu Miu!

68 DVF

A próxima da lista é a toda chique e poderosa Diane Von Furstenberg, dona da DVF. Ela podia ter se contentado em ter sido casada com um príncipe, mas, não!, Dianinha quis mais. Lançou sua linha de roupas nos 1970 e criou o icônico Wrap Dress, que fez 40 anos esse ano, e a colocou no mapa da moda. Apesar de algumas baixas durante o caminho, hoje em dia a marca se encontra muito bem, obrigada, e é vendida em 55 países ao redor do mundo. Ela e seu marido Barry Diller, bilionário, filantropista e media mogul, cuidam da Diller-Von Furstenberg Family Foundation, que ajuda organizações das quais eles são próximos. É muita chiqueza!

39 Wintour

Há! Quem seria a mais poderosa fashionista do mundo se não ela, a toda-poderosa, Editora-Chefe da Vogue America, Diretora Editorial da Teen Vogue e Editora Artística da Condé Nast, Anna Wintour! Pelos tantos milhões de dólares que já arrecadou para a área de moda do Met, e também por todo seu apoio, o museu renomeou a área para “The Anna Wintour Costume Center”. Além disso, a “diaba” conseguiu aumentar a publicidade da mídia impressa e digital da Condé Nast em 3,3% e 28%, respectivamente; um grande feito, já que a gente sabe que o mercado editorial anda passando por maus bocados. E ela ainda participa da vida política americana, tendo ajudado a arrecadar fundos para a campanha de Obama. É muito poder!

Acho que deu pra dar uma boa inspirada, não!?

Caso você queira ver quem são todas as moçoilas poderosas deste mundão, é só clicar aqui

0 Com.

Compartilhando #2

Oi, pessoal! Como passaram essa semana!? Vamos ver mais links bacanas essa semana?

Disney

SUCESSO COM MUITO SUOR: 8 histórias de personalidades famosas que conhecemos no auge do sucesso, mas que passaram por bons perrengues antes de chegar lá!

Editoras

ELAS MANDAM E DESMANDAM NA MODA: No site da Chris Pitanguy tem um resumo sobre algumas das editoras de revistas mais poderosas da Condé Nast. Advinha se a Anninha Wintour não ía estar na lista?!

Paperback

POST-IT HIGH TECH: Quem aqui não ama um post-it? Eu adoro, minha mesa do escritório tem vários!! E que tal um feito especialmente para a parte de trás do seu Iphone?!?!?!

Tempo

ORGANIZANDO A SEMANA: Adorei essa “técnica” da coach Juliana Garcia para organizar a agenda da semana. Achei super viável e fácil de colocar em prática!

Você ocupadaPARA DAR CONTA DE TUDO: Você se perde no meio das tantas atividades que tem pra fazer e acaba fazendo menos do que queria?! Aqui tem algumas dicas interessantes para evitar que você se descabele e consiga se organizar melhor!

0 Com.

The Editor’s Eye

– O que faz um editor de moda?

É com essa pergunta que se inicia o documentário de comemoração dos 120 anos da Vogue: The Editor’s Eye. A pergunta é seguida por diversos editores fazendo cara de interrogação e buscando um meio de responder a tal pergunta. E não é que nenhum consegue descrever completamente a função?

Basicamente, um editor de moda é responsável pelas imagens de moda da revista. Sabe aquelas imagens que você já parou e ficou olhando, admirando, fantasiando, tentando entender…? Isso é obra de um editor de moda!

Editoras da Vogue

O documentário é simplesmente incrível – não tenho outra palavra para descrevê-lo! Com comentários da Anna Wintour, é narrado como as imagens foram importantes desde que a revista foi lançada. E a medida que vai avança, é feito um paralelo com o que estava acontecendo na sociedade na época – super importante para entendermos a importância de cada foto. E, dessa maneira, também vai sendo apresentado editoras importante da revista – Diane Vreeland, alguém? – até que chega nos dias atuais e cada uma das editoras que estão hoje na revista vão contando sua história, o que é importante para elas e as características de suas fotos. É super legal ver como cada uma tem um estilo próprio: nossa ruiva adorada, Grace Coddington, faz editoriais dignos de sonhos, enquanto Camilla Nickerson segue uma linha um pouco mais “dramática” e agressiva.

Além de ser uma oportunidade para saber mais sobre a história da Vogue e como funcionam os bastidores, também é ótimo para conhecer um pouco mais das outras editoras que fazem parte do time da revista.

The Editor's Eyes

Os canais da HBO estão exibindo o documentário. Dê uma olhada na programação dos canais para ver quando vai passar de novo, mas vira e mexe eu vejo passando (hoje mesmo eu vi na HBO 2!).

Aficionados ou não em revistas de moda, eu recomento muito assistir!

 

Update: Encontrei os horário de exibição do documentário no mês de fevereiro:

HBO sex, 08/02/2013 10:49
HBO 2 dom, 10/02/2013 15:17
HBO dom, 17/02/2013 16:42
HBO sex, 22/02/2013 12:50
HBO 2 seg, 25/02/2013 08:00
HBO ter, 26/02/2013 20:20
0 Com.

Aprendendo com Grace Coddington

Continuando com o The September Issue…

Um outro motivo para assistir ao TSI é a muito fofa Grace Coddington. Ela é a Diretora Criativa da Vogue US, dona de uma enorme cabeleira ruiva e responsável por editoriais maravilhosos. Você pode não conhecê-la por nome, mas eu tenho certeza que já viu um de seus editoriais. Uma vez eu li uma entrevista com ela e ela disse que gosta de fazer as pessoas sorrirem com seus editoriais. E é isso mesmo que acontece né?

Bom, além de fazer esses editoriais lindos, ela deve ser uma das únicas que peitam a A. Wintour e realmente fala a sua opinião e reclama quando acha que tem que reclamar.

Em uma cena do documentário, um dos jornalistas está reclamando para a Grace que a Anna odiou tudo o que ele fez e que ele não sabe mais o que fazer, e é aí que entra toda a sabedoria da Grace:

(“Não seja muito bonzinho. Você precisa achar uma maneira de construir seu caminho e se fazer necessário. Uma maneira que funcione para você e a Vogue”)

Ensinamentos de uma das maiores e bem sucedidas diretoras criativas do mundo: pra anotar e levar para a vida!

0 Com.

The September Issue

Acho que todos já ouviram falar (ou devia ter, se você é de modas), o The September Issue. É um documentário gravado em 2009 que acompanha a criação da edição de setembro da Vogue US, que foi uma edição que teve o maior número de páginas da história. Dá para acompanhar todo o trabalho da redação, inclusive da tirana, diva, editrix, enlouquecida, ou como você preferir definir,  Anna Wintour.

Vale muito muito a pena assistir a esse documentário porque ele mostra bem o dia-a-dia da redação da revista, como que são escolhidas as imagens que vão na edição, as discussões para uma tomada de decisão, os photo shoots, a Anna Wintour gongando uns trabalhos hahaha. Sério, pra qualquer um que se interesse por trabalhar em revista é obrigatório (apesar de não gostar dessa palavra, acho que aqui cabe), mas também indico pra quem não tem tanto interesse. Além de mostrar a redação da revista, aparecem vários eventos e acontecimentos envolvendo grandes nomes da moda. Mesmo que uma área não seja o nosso foco, é interessante saber um pouco mais sobre como funciona.

Quando assistir, preste atenção nas discussões, relacionamento e pontos de vista da Anna Wintour e da Grace Coddington, diretora criativa da revista. É muito interessante ver como a Grace é toda romântica, se apaixona por suas imagens e está sempre pensando na beleza, enquanto a Anna tem uma mente muito mais racional e pensa no que funciona e vende, tirando da revista o que ela achar que não funcione, apesar de ser uma imagem maravilhosa.

Nunca vi para vender no Brasil, mas você pode muito bem usufruir de todas as opções que a internet oferece para baixar filmes de graça ou comprar pelo site oficial do documentário ou pelo Itunes.

Um bom filme para você!